Home > Experiência Ford > Ford Blog > Carrinhas mild hybrid (MHEV): tudo o que precisa de saber
Ford Transit Custom MHEV

May 17, 2021

Carrinhas mild hybrid (MHEV): tudo o que precisa de saber

Se está a pensar entrar no fascinante mundo da eletrificação e um Ford Transit Custom (MHEV) é o que melhor se adapta às suas necessidades (de lazer ou de trabalho), talvez a micro-hibridação seja o que procura.

Que carrinhas como a Ford Transit Custom estão no mercado há anos para tornar a nossa vida mais fácil, é evidente. Além disso, particularmente este modelo tem vindo a atingir números de vendas na Europa que outras marcas também gostariam de ter.

A praticidade, a capacidade de carga, os motores e o design sempre foram uma boa base para o seu sucesso, mas agora também chegaram a este veículo comercial versões híbridas e entre elas estão a mild hybrid (MHEV). Vamos então falar um pouco sobre a chamada micro-hibridação.

O que é uma carrinha mild hybrid (MHEV)?

O conceito do tipo de veículo está claro para nós. O Transit não é um recém-chegado ao mercado e os seus benefícios como instrumento de trabalho para o transporte de pessoas (até nove) ou de mercadorias é mais do que óbvio. Mas talvez ainda não soubesse que a eletrificação já está presente nesta carrinha, tanto na sua forma mais discreta MHEV como na forma híbrida plug-in (PHEV).

Um aspeto importante é conhecer a diferença entre HEV, PHEV e MHEV; só depois saberá o que melhor lhe convém. Se tiver um orçamento apertado, provavelmente está a pensar num micro-híbrido Ford Transit Custom, pois o custo de acesso a esta tecnologia é muito semelhante ao das versões puramente térmicas e oferece uma melhor economia de combustível – o argumento mais convincente.

Antes de entrar em mais detalhes, deve ficar claro que numa carrinha mild hybrid encontraremos o motor de combustão principal e um pequeno motor de arranque elétrico. Este é alimentado por uma bateria de 48V que é continuamente carregada pelo sistema de travagem regenerativa e o seu papel é apoiar o bloco térmico, mas nunca fazer andar o veículo por si só.

Este é basicamente o seu modus operandi para melhorar a eficiência e reduzir os valores de consumo de combustível, especialmente em áreas urbanas e a baixas velocidades, situações em que os sistemas de propulsão eletrificados, em maior ou menor grau, se destacam dos restantes. Vai notar a diferença na vida do tanque (a longo prazo, é mais dinheiro no bolso), mas também no maior respeito pelo ambiente, aspeto fundamental nestas tecnologias, mesmo que não se possa ver no dia a dia. Quem não quer um planeta mais limpo?

Ford Transit Custom MHEV

Falemos da joia da coroa dos veículos comerciais, um Ford Transit Custom MHEV que com a micro-hibridação incorporada pode ser escolhido em níveis de potência de 105, 130, 170 e 185 bhp. Utiliza o motor diesel 2.0 TDCI EcoBlue, um dos motores mais avançados da marca, que cumpre com os exigentes regulamentos WLTP sobre emissões.

Este motor também se encontra no Ford Tourneo Custom, modelo igualmente disponível nas versões MHEV e PHEV.

Escolher potência, carroçaria e equipamento no configurador para começar a poupar todos os dias.

Top