Home > Experiência Ford > Ford Blog > Partilha de dados de automóveis conectados ajuda a tornar as viagens mais seguras - mesmo que não conduza um Ford
Partilha de dados de automóveis conectados ajuda a tornar as viagens mais seguras - mesmo que não conduza um Ford

Fevereiro 22, 2021

Partilha de dados de automóveis conectados ajuda a tornar as viagens mais seguras - mesmo que não conduza um Ford

Os nossos veículos estão agora a fornecer aos condutores de automóveis de outras marcas avisos prévios automáticos das condições de condução potencialmente perigosas na estrada.

A iniciativa faz parte de um acordo liderado pela parceria Data for Road Safety, apoiada pela Comissão Europeia, que põe os veículos conectados de vários fabricantes, incluindo Ford, BMW, Mercedes-Benz e Volvo, a partilharem informações de segurança rodoviária em tempo real.

Introduzimos a Informação de Perigo na Via com o nosso novo Ford Puma no início de 2020 para alertar os condutores sobre os perigos da segurança rodoviária que possam estar ao virar da esquina. Desde então, temos vindo a possibilitar esta funcionalidade a outros Fords construídos recentemente na Europa, incluindo o novíssimo Kuga.

Agora, os veículos de outros fabricantes poderão também identificar e partilhar informações sobre os perigos que encontram, ajudando em conjunto a melhorar a segurança rodoviária ao permitir que mais condutores se preparem para os perigos que se avizinham.

O sistema utiliza dados a bordo dos veículos - tais como ativação do airbag, travagem de emergência ou utilização das luzes de nevoeiro - para determinar automaticamente a presença e localização de potenciais perigos. Os avisos relevantes são agregados anonimamente e aparecem no mostrador do painel de instrumentos dos veículos na proximidade do perigo potencial.

Para além de avisar outros condutores, a informação pode ser utilizada para alertar os serviços de emergência, fornecendo dados precisos de localização em segundos para ajudar a acelerar a assistência.

"Os veículos conectados ajudam os condutores a antecipar os perigos que possam estar à espreita na próxima curva. Os ecossistemas de partilha de dados de segurança rodoviária são mais eficazes quanto mais veículos e fontes telemáticas incluírem; alargar os benefícios desta tecnologia àqueles que não conduzem carros Ford representa um significativo passo em frente". - Peter Geffers, manager, Connected Vehicles, Ford of Europe

Top