Os cookies são essenciais para obter os melhores resultados na nossa página web. Na realidade, quase todas as páginas web os utilizam. Os cookies guardam as suas preferências e outras informações que nos ajudam a melhorar a nossa página web – mas não se preocupe, as informações que recolhemos no nosso site não o identificam pessoalmente. No "Ford Cookie Guide" encontrará mais informações sobre cookies e sobre a forma de os controlar, utilizando as definições do seu browser.

Saiba mais

 
Ford Oval
A História de Henry Ford
Os automóveis práticos e acessíveis criados por Henry Ford vieram mudar a vida de muitas pessoas. A linha de montagem móvel e as técnicas de fabrico em série que estabeleceu definiram os padrões do processo industrial a nível mundial na primeira metade do século XX.
 
A história começa em Springwells Township, Condado de Wayne, Michigan, a 30 de Julho de 1863, quando nasce Henry, o primeiro de seis filhos de William e Mary Ford. Cresceu numa exploração familiar próspera, recebeu educação numa escola pública onde cedo demonstrou interesse pela mecânica. Esse interesse viria a desenvolver-se num verdadeiro génio e valeu-lhe o elogio de ser ‘um dos maiores industriais do mundo’.
 
Aprender o ofício
Henry Ford começou quando era jovem. Aos 12 anos, Henry ocupava grande parte do seu tempo livre numa pequena loja de máquinas equipada por ele próprio. Foi nessa loja que, em 1878 e com 15 anos, construiu o seu primeiro motor a vapor. Saiu de casa no ano seguinte com destino à cidade de Detroit, onde trabalhou como aprendiz de mecânico.
 
A sua aprendizagem durou três anos, período após o qual regressou a casa, em Dearborn. Nos anos seguintes, Henry partilhou o seu tempo entre a construção e reparação de motores a vapor, encontrando trabalhos pontuais numa fábrica de Detroit e reparando as ferramentas agrícolas do seu pai. Foi em 1888 que se operou a maior mudança da sua vida, ao casar com Clara Bryant, passando a sustentar a nova família com o seu trabalho à frente de uma serração.
 
Pouco tempo depois dava-se uma nova mudança, assumindo Ford em 1891 o lugar de engenheiro na Edison Illuminating Company, em Detroit. Dois anos depois, no seguimento da sua promoção ao cargo de Engenheiro Chefe, Ford tinha então tempo e dinheiro suficiente para se dedicar mais às suas próprias experiências na área dos motores de combustão interna.
 
O seu primeiro veículo
 
O ponto culminante das suas experiências foi a construção do veículo de propulsão independente - o Quadriciclo - em 1896. O primeiro motor de Ford viu pela primeira vez a luz do dia sobre a sua mesa de cozinha no número 58 de Bagley Avenue e, rapidamente, foi seguido pelo projecto seguinte, um motor montado numa estrutura apoiada em quatro rodas de bicicleta - o primeiro veículo Ford.
 
Continuar sozinho 
 
Em 1898, depois de se ter demitido da Edison, Ford criou a Detroit Automobile Company. Infelizmente, a empresa foi à falência. Mas, não sendo pessoa para baixar os braços ao primeiro obstáculo, Ford concebeu e construiu vários automóveis de corrida, conduzindo o invencível ‘Sweepstakes’ à vitória, derrotando o Campeão Americano, Alexander Winton, a 10 de Outubro de 1901.
blank point